União Europeia

Mais 5 milhões de euros FSE para a digitalização das escolas

 

O Aviso POCH-D4-2021-01 publicado apoia o financiamento de equipamentos e serviços de conectividade já adquiridos ou com aquisição em curso, por municípios das regiões de Lisboa e Algarve ou por outras pessoas coletivas de direito público da administração local dessas regiões.

As alterações nos processos de educação desencadeados pela COVID-19 vieram dar maior visibilidade à necessidade de acelerar a digitalização dos processos educativos, o que exige condições específicas quer em matéria de equipamentos e recursos digitais, quer no que se refere à capacitação digital de todos os agentes envolvidos no sistema de educação. A digitalização da educação pretende-se transversal, inclusiva e não discriminatória pelo que  é essencial que as condições necessárias referidas sejam acessíveis por todos os alunos e docentes do ensino básico e secundário.

Este Aviso destina-se a assegurar o financiamento dos computadores, respetiva conetividade e software para utilização em contexto educativo,  já adquiridos ou com aquisição em curso pelos municípios das regiões de Lisboa e Algarve, cuja compra foi assegurada às escolas para agilizar o processo de democratização dos meios digitais no meio escolar, permitindo um acesso mais fácil e célere a estes equipamentos pelos alunos socialmente mais desfavorecidos.

O presente Aviso de abertura n.º POCH-D4-2021-01 tem uma dotação do Fundo Social Europeu (FSE) de 5 M€ e enquadra-se no Eixo 4, Tipologia de Operação 4.8 - Escola Digital: Reforço da rede de equipamentos tecnológicos e da conetividade.

As candidaturas a este Aviso podem ser submetidas exclusivamente por Pessoas coletivas de direito público da administração local sediadas na regiões de Lisboa e Algarve, nomeadamente os municípios dessas regiões, nos termos previstos no n.º 4 da Deliberação n.º 17/2020 da CIC do Portugal 2020, em anexo ao aviso (anexo I). São destinatários finais do presente Aviso os alunos do ensino básico e secundário a frequentarem escolas públicas dessas regiões e beneficiários da ação social escolar, privilegiando os enquadrados nos escalões A e B, uma vez que correspondem aos inseridos em agregados familiares com mais baixos rendimentos.

As candidaturas encerram às 18 horas do dia 10 de fevereiro de 2021 e é recomendado que a submissão das mesmas não seja deixada para os últimos dias desse prazo, salvaguardando o tempo necessário para a resolução de qualquer dificuldade.

Dúvidas ou questões relacionadas com as candidaturas devem ser remetidas prioritariamente para o endereço de correio eletrónico do PO CH ou pelo telefone +351 215 976 790.

 

Aceda AQUI ao aviso de abertura n.º POCH-D4-2021-01 e anexos

 

Fonte: PO CH